Ultra Trail Mont Fuji
General | 30.04.2014 | 0 Comentarios

Este ano a Ultra Trail Mont Fuji teve um total de 2.500 ultra runners. Posso dizer que a maioria destes corredores são japoneses, porém esta edição foi mais dura que os outros anos por muitos motivos. Explico... primeiro porque nevou e choveu muito dias antes à largada, a organização aumentou o percurso em 9km (agora com 169km no total), sendo que os líderes da prova fizeram estes simples 9km em 1h30, ou seja, mais tempo de prova nesta edição da UTMF. Este ano esta Ultra também fez parte da Ultra Trail World Tour, o que quer dizer que os corredores que brigam pelo título de melhor Ultra Runner do mundo estariam aqui presente, o que aumentou o nível competitivo da prova.

Larguei suave ao lado de Nuría Picas às 15h da sexta-feira passada. Nuría é minha amiga e companheria de equipe Compressport, é ela quem lidera hoje o ranking da Ultra Trail World Tour e é campeã mundial de Ultras 2013. Eu e Nuría observavamos na largada como corria rápida a francesa, Nathalie Monclair, nossa também companheira de equipe Overstims e campeã mundial de maratonas por montanha 2012. Eu disse a Nuría, “Wow, alucinante, Monclair se matará assim, saiu muito rápida para uma prova de 100 milhas”. Nuría concordou e disse, “Fê, você e eu vamos super bem neste ritmo e assim se corre.” Assim, seguimos juntas, correndo tranquilas, porém correndo toda a montanha acima. Francesca Canepa, italiana, também nos passa por um momento na primeira subida, mas logo fica por detrás na primeria descida da prova. Nuría me passa e assim eu mantenho a terceira posição, atrás de Monclair (que estava correndo muito rápida, entre os 7 primeiros homens) e atrás de Nuría que seguia por detrás de Monclair.

Minhas sensações durante toda a prova foram as melhores, corri os primeiros 90km de prova em 9h35 min e super feliz com minha performance nesta metade de prova. Depois seria seguir com o mesmo ritmo, comer e hidratar bem até cruzar a linha de chegada. Minha equipe de apoio era formada por duas japonesas e um japonês. Eles não sabiam muito bem o inglês e era engraçado que eu pedia “um gel” e elas me davam “pomada anti-flamatória para massagear as pernas”. ; ) Aff..., depois eles melhoraram no decorrer na prova e me surpreenderam com tanto carinho e motivação em querer me ajudar. Arigato. Ser apoio em uma prova de 24h é difícil e cansativo.

Depois desta metade da prova começava a parte mais dura, as montanhas mais altas, mais técnicas com downhills perigosos. As descidas eram entre árvores caídas, raízes altas, pedras pontudas, bambus traiçoeiros, cristas aéreas... Todos os corredores acabaram com hematomas. As subidas eram destas de correr com as mãos e não com os pés, assim você imagina um pouco o perfil de uma montanha japonesa. Consegui na primeira montanha, ultrapassar a Monclair e abrir vantagem de 30min em relação ao tempo da Nuría no mesmo tramo. Obrigada ao Mont Fuji que junto às luzes do nascer do sol me deram forças para lutar contra o sono e cansaço. Assim, minha diferença entre Nuría foi diminuindo e eu seguia com as boas sensações, sem forçar muito meu corpo e minha cabeça para tentar ser mais rápida que meu limite em dar o máximo. Não queria morrer no fim do túnel, sabe. Queria completar minha primeira 100 milhas tendo uma lembrança de ter dado tudo, sem afogar, onde curtir o momento, a natureza e a energia das pessoas ali me animando era o que me completava.

Nos últimos 3km de prova, vejo que poderia fazer realidade um sonho, completar uma Ultra de 100 milhas com quase 20.000m de desnível acumulado abaixo de 24h. Acelerei, quase vomitei para dar o restinho de “gas” que tinha, deixei meus duros quadríceps se tornarem “pedras” e “viajei” em cada passada minha, no movimento que eu amo que é “correr”. Yessss.....19 min atrás de Nuría Picas, com os braços abertos e as melhores sensações possíveis. Vivendo o presente em 23h46min com o Mont Fuji me abençoando. I DID IT.

Obrigada a todos por me seguirem e me apoiarem cada dia mais. Gracias patrocinadores The North Face, Compressport e Overstims. Petzl e Evoke pelo apoio. Em duas semanas corro nas Blue Mountains, será minha terceira ultra da Ultra Trail World Tour, a Austrália 100km. Siga-meeee. : )

www.facebook.com/ferultratrail

E não podemos deixar de parabenizar nosso amigo e campeão François D'haene e Nuría! Parabéns champs!


Coméntalo!
Nombre E-mail
Validación
Introduzca el código de aquí debajo
Mensaje



programador web freelance Barcelona